Pular para o conteúdo

Seu primeiro atendimento nutricional

É muito comum após a graduação em nutrição não saber por onde começar e com o que é necessário se preocupar. Pensando em facilitar os primeiros passos no atendimento nutricional, a equipe n2b.academy separou algumas dicas.

Como saber o valor a cobrar no atendimento nutricional?

Saber o quanto cobrar na consulta é necessário para valorização da sua carreira profissional.

Mesmo que o serviço esteja ligado à saúde, o profissional precisa se posicionar em métodos atuais do mercado para definir o valor correto para o seu atendimento.

Nesse caso, é preciso fazer um levantamento das suas despesas e entender que elas podem ser categorizadas tanto em fixas quanto em variáveis.

Também é necessário realizar os cálculos e saber os gastos financeiros para definir o preço da sua consulta.

Considere os fatores externos para cobrar o valor ideal, então é importante analisar questões como o perfil demográfico da região em que o seu consultório está localizado.

Entender quem é seu público-alvo e a sua concorrência ajuda a pensar melhor sobre os valores para a consulta nutricional.

Outro ponto importante, é verificar o piso salarial no sindicato dos nutricionistas para saber se o seu preço não está abaixo dele.

É possível realizar um atendimento nutricional sem CRN?

Não é possível iniciar a carreira de consultas ou em qualquer área da nutrição sem o CRN. 

O momento mais esperado da graduação, dependendo da área que você tem interesse em se especializar, é poder fazer a consulta nutricional.

Entretanto é importante segurar controlar o anseio por atender e realizar toda a burocracia e processo necessário para de fato poder começar a carreira em nutrição.

A inscrição no CRN é necessária para a habilitação profissional. 

O diploma atesta apenas a sua formação, mas a inscrição no órgão de classe é inerente ao exercício profissional, conforme a Lei Federal 6.583 de 1978 e a Lei Federal 8.234 de 1991.

A atuação anterior à inscrição configura exercício ilegal da profissão. Isso vale também para quem é estudante de nutrição, que ainda está em formação.

A prescrição de dietética sem o menor conhecimento técnico-científico é um crime contra a saúde pública, sendo infração gravíssima.

Quais materiais são necessários para realizar um atendimento nutricional?

atendimento nutricional

Os materiais essenciais para realização de uma consulta nutricional são: adipômetro, balança, fita métrica e o estadiômetro.

Lembrando que o estadiômetro também pode ser substituído pela fita métrica desde que a parede seja lisa e sem rodapé. 

É fato que todos esses equipamentos são úteis para realizar a avaliação nutricional do paciente, mas se você está começando agora e não tem dinheiro para investir, não se desespere!

É comum acreditar que precisa comprar todos logo no início para começar a atender, entretanto você pode começar com o que já tem.

Na graduação para as aulas práticas de avaliação nutricional, você já deve ter aquirido uma fita métrica para praticar em aula.

Pois bem, a fita métrica permite a aferição das circunferências do corpo que ao jogar em fórmulas específicas, é possível até diagnosticar o risco cardiovascular.

Além de ser possível acompanhar a evolução do seu paciente a partir da redução das próprias medidas.

A partir do momento que suas consultas começarem a gerar um retorno financeiro será o momento ideal para você investir nos equipamentos.

Sobre o adipômetro, é indicado comprar marcas confiáveis para realizar a aferição e ter um resultado fidedigno.

Dependendo da marca é necessário um maior investimento, mas atualmente existem marcas acessíveis que oferecem uma boa qualidade.

Uma balança digital também é necessária para aferir o peso do seu paciente. A balança você pode comprar na internet por um preço mais acessível.

O estadiômetro é usado para aferir a altura do paciente, ele é facilmente encontrado na internet por valores menores que nas lojas. 

Como aumentar o valor da consulta?

Adquirindo os materiais aos poucos é possível conseguir todos os equipamentos que irão aumentar a qualidade dos atendimentos.

Dependendo do valor que você conseguir poupar, quem sabe investir em uma balança de bioimpedância, assim é possível que você aumente inclusive o valor da sua consulta e ter um maior retorno financeiro.

O nutricionista pode ser MEI para gerar nota fiscal?

A geração de notas fiscais é benéfica para os pacientes que tem como costume pedir o reembolso do convênio.

É nesse momento que o recém formado começa a se perguntar sobre o MEI, mas não, o nutricionista não pode ser MEI por ser uma profissão regulamentada, ou seja, é regida por legislação própria. 

A profissão de nutricionista tem as atividades regulamentadas por um conselho regional que é o CFN, se tornando incompatível com o MEI.

A finalidade desta modalidade (MEI – que é um modelo empresarial simplificado) é justamente formalizar as profissões não atendidas por uma legislação específica.

Para se regularizar é necessário procurar um contador de sua confiança ou uma empresa que realize esse processo de contabilidade como a Contabilizei.

A empresa de contabilidade vai te ajudar desde a abertura de empresa, auxílio das suas obrigações financeiras e até no processo de declaração de impostos.

Como captar pacientes?

Para captar e atrair mais pacientes, primeiro é necessário fidelizar e fortalecer sua reputação no mercado.

Vale a pena desenvolver uma metodologia de atendimento diferenciada, que ofereça suporte e segurança para seus clientes.

Os pequenos detalhes na consulta fazem toda a diferença quando o assunto é relacionamento entre o paciente e o nutricionista.

Gestos simples como sempre olhar seu paciente nos olhos, demonstrar interesse, sanar todas as suas dúvidas durante a consulta, fazem muita diferença.

Ter o cuidado de olhar seu paciente como um todo, te permite realizar um atendimento personalizado, podendo até oferecer brindes que conversem com suas necessidades.

Se você atende um paciente que tem como patologia hipertensão, onde uma de suas condutas é orientar a redução de sódio e temperos industriais, você pode fazer um sal de ervas e um ebook de orientação nutricional para essa patologia, por exemplo.

Será um gesto simples que fará toda diferença para o seu paciente e consequentemente irá fidelizá-lo.

Ter uma presença no pós consulta é importante também para que eles se sintam amparados e orientados, mesmo que por meio de canais digitais.

Além disso, você pode utilizar os canais de comunicação para mostrar que se lembrou de seu paciente em datas comemorativas através de um e-mail marketing, desejando-lhe força e saúde.

O “produto” do nutricionista é o seu atendimento e quem o consome é o paciente, por isso, ter um diferencial e saber lidar com pessoas é fundamental nesse ramo.

LinkedIn
Pinterest
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.